Ruraltins inova em gestão e faz parceria com empresa para monitorar Unidades Demonstrativas de plantio consorciado

Monitoramento via satélite terá como objetivo melhorar a tomada de decisão e direcionar a atenção do produtor para onde realmente importa.

0
153
Unidades terão como finalidade difundir a tecnologia do manejo do arroz consorciado ao capim forrageiro para formação e recuperação de pastagem. Foto: Ruraltins/Governo do Tocantins.

As quatro Unidades Demonstrativas de plantio de arroz consorciado ao capim forrageiro para formação e recuperação de pastagem recebem mais um incentivo, desta vez o controle e monitoramento de toda a área plantada.

A inovação é oferecida pela empresa Omnia Brasil, que já apoia o projeto através de seus condicionadores de solo e seu biofertilizante.

Esse monitoramento, via satélite, terá como objetivo melhorar a tomada de decisão e direcionar a atenção do produtor para onde realmente importa. “Esse monitoramento de precisão é oferecido exclusivamente pela AXIOTEQ®, com relatórios completos pela plataforma DigiAg®. A avaliação é constante, abrangendo todo o ciclo da cultura e possibilita a análise do desenvolvimento da lavoura de forma prática e eficaz. Nosso objetivo é manter a lavoura e o solo saudável, garantindo maior rentabilidade ao produtor”, ressaltou o supervisor de vendas da Omnia, Carlos Alexandre de Moraes.

A AXIOTEQ é uma empresa do Grupo Omnia e já iniciou a atuação no Brasil, buscando maximizar a atividade rural através da transformação de dados em informação útil ao produtor, reduzindo custos e garantindo a sustentabilidade em longo prazo da produção agrícola. “O produtor é responsável por alimentar o mundo e a Omnia não medirá esforços para aplicar nossas experiências e habilidades em favor da produtividade e redução dos riscos”, diz Thiago Briner Neto, gerente comercial da Omnia Brasil.

Para o gestor do Ruraltins, Thiago Dourado, os esforços dos parceiros em investir nesse sistema de plantio consorciado trazem grandes benefícios, para as empresas investidoras em tecnologias, para os produtores, em termos de conservação e fertilidade do solo, produtividade e, principalmente, maior rentabilidade. E, também para o Governo do Estado, como ação estratégica para o desenvolvimento sustentável da agricultura e pecuária, com a recuperação de áreas degradadas.

O próximo passo será o cadastro das áreas e a marcação dos pontos para começarem o monitoramento de todo o ciclo.

Unidades Demonstrativas

Estas unidades Demonstrativas, instaladas em Pium, Novo Acordo, Miracema e Gurupi, terão como finalidade difundir a tecnologia do manejo do arroz consorciado ao capim forrageiro para formação e recuperação de pastagem. Esse sistema traz benefícios aos produtores em termos de conservação e fertilidade do solo, produtividade e principalmente maior rentabilidade.

Omnia

Empresa com mais de 60 anos e que nasceu da produção de fertilizantes na África do Sul. Atualmente está presente em mais de 100 países e possui atuação na agricultura, químicos e mineração.

Na Agricultura é representada pela Omnia Fertilizantes, líder de mercado no continente Africano e pioneira na produção de NPK granulado e fertilizantes líquidos para aplicação via solo. Com unidades industriais em todos os continentes, a Omnia possui soluções inovadoras no mercado de biocondicionadores de solo, substâncias húmicas, bioestimulantes, adjuvantes, noculantes e hidrossolúveis. Nutrir o agricultor com conhecimento para que ele cultive a terra com responsabilidade.

(Com informações da Omnia Brasil)