Prefeitura de Araguaína adquire testes rápidos para o Covid-19

Ao todo, nove casos suspeitos foram notificados na cidade que não tem nenhum caso confirmado.

0
37
Divulgação.

Chegaram na cidade de Araguaína os 1 mil testes rápidos adquiridos pelo município para testar pacientes suspeitos de Covid-19 no município.

Segundo o prefeito Ronaldo Dimas, a iniciativa se deu pela demora dos resultados dos exames que já foram realizados. “O primeiro caso suspeito foi há mais de uma semana e não tivemos retorno. Quero agradecer a parceria da Defensoria Pública e Justiça do Trabalho que sinalizam auxílio no pagamento desses itens”, afirmou o prefeito.

Utilizando o modelo de diagnósticos mais rápidos agora será possível avaliar o contágio do paciente em apenas 20 minutos.

O município informou recentemente que esses testes serão realizados nas duas unidades básicas de saúde (UBS) que passaram a ser porta de entrada para atendimento de qualquer grau de sintomas: UBS JK, localizada na rua Araguaci, quadra 14, bairro JK; e UBS Albeny Soares, que fica na Avenida C, nº 1035, no Setor Couto Magalhães, próxima à Escola Estadual Benedito Canuto Braga.

O atendimento médico nos locais indicados determinará qual medida será tomada para tratamento do paciente, que pode ser apenas isolamento domiciliar ou encaminhamento para o hospital de referência.

“Caso apresente apenas sintomas leves e não veja a necessidade de procurar assistência médica, é melhor ficar em casa em isolamento, conforme orientou o Ministério da Saúde”, informou a secretária da Saúde, Ana Paula Abadia.

Ao todo, 9 casos suspeitos foram notificados até o momento na cidade que não tem nenhum caso confirmado de Coronavírus. Em entrevista online na manhã de ontem (24), o prefeito Ronaldo Dimas ressaltou que as pessoas que serão submetidas aos testes passarão por uma avaliação criteriosa de um corpo técnico de profissionais da saúde.