Polícia prende suspeitos de praticar estupro coletivo contra homem após rendê-lo com faca na saída de festa

0
311
Um adolescente também teria participado do crime em Tocantinópolis, no norte do estado. Polícia disse que a vítima de 18 anos foi levada para uma casa, onde os abusos sexuais aconteceram. Dois homens de 19 e 20 anos foram presos em Tocantinópolis, na região norte do estado, suspeitos de participação em um estupro coletivo. Segundo a Polícia Civil (PC), a dupla, na companhia de um adolescente, teria rendido um rapaz na saída de uma festa. Eles usaram uma faca para praticar os abusos após levar a vítima até uma casa.
O crime aconteceu em setembro deste ano e os fatos foram esclarecidos pela 20ª Delegacia de Tocantinópolis nesta quinta-feira (21). A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que os dois homens foram detidos em cumprimento de mandados de prisões temporárias.
O delegado Tiago Daniel de Morais, responsável pelo caso, disse que a vítima é um jovem de 18 anos. Ele estava na mesma festa que os suspeitos, foi abordado por volta das 3h da madrugada e só foi liberado das agressões no início da manhã.
“A vítima estava saindo de uma festa, onde os três supostos autores também estavam. Nesse momento, segundo depoimento da vítima, os três homens se aproximaram e, sob a ameaça de uma faca, levaram o rapaz para uma residência, onde abusaram sexualmente do mesmo”, disse o delegado.
Após ser liberado pelo grupo, por volta das 6h, a vítima procurou uma delegacia, realizou um boletim de ocorrência e o caso começou a ser investigado.
Os agentes conseguiram identificar os três suspeitos, inclusive o adolescente. Dois mandados de prisão foram expedidos contra os adultos. Depois de detidos eles foram ouvidos na sede da 20ª DP e levados para a Unidade Penal de Tocantinópolis, onde ficam à disposição da Justiça.
O menor está sendo investigado pela Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher e Vulneráveis (DEAMV) de Tocantinópolis.
A SSP disse que as investigações continuam para que a polícia possa apurar todas as circunstâncias do crime.
Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.

Fonte: G1 Tocantins