Decreto aprova Regulamento Interno da Secretaria da Segurança Pública do Estado do Tocantins

Cursos de capacitação para 13º Festival Gastronômico de Taquaruçu iniciam nesta quinta, 15
14 de agosto de 2019
Conhecimento e foco em resultados: Defensoria Pública inicia elaboração de seu plano estratégico 2020/2024
14 de agosto de 2019

Decreto aprova Regulamento Interno da Secretaria da Segurança Pública do Estado do Tocantins

Regulamento cria Delegacias Especializadas em Atendimento a Vulneráveis e também de Desaparecidos junto à Polinter.
Fonte Priscila Cadore/Governo do Tocantins
Nova estrutura prevê Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher 24h, na Capital.

Foi publicado na edição 5.418 do Diário Oficial do Estado, de terça-feira, 13, o Decreto 5.979, de 12 de agosto de 2019, que aprova o Regulamento Interno da Secretaria da Segurança Pública do Estado do Tocantins, com vigência imediata. O documento traz a estrutura orgânica da instituição e atribuições de cada unidade componente da pasta, dentre eles a estrutura da Polícia Civil.

Na estrutura, novidades como a previsão da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher 24h, na Capital, conforme prioridades apresentadas no Plano Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (PESSE), lançado em 25 de junho, como fruto do esforço conjunto do Poder Público, iniciativa privada e comunidade em geral para a definição de diretrizes de políticas públicas na área de segurança para os próximos 10 anos. Também estão previstas Delegacias Especializadas em Atendimento a Vulneráveis e unidade específica para investigação de desaparecidos, estruturada junto à atual Polinter e Capturas.

O fortalecimento dos serviços de inteligência, também destacados no PESSE é implementado, com a ampliação das atividades, hoje concentradas na Diretoria de Inteligência e Estratégia da Secretaria da Segurança Pública, para todas as delegacias de polícia do Tocantins, que realizarão suas atividades sob a coordenação comum de órgão de inteligência dos quadros da Delegacia-Geral de Polícia Civil.

A descentralização do atendimento do Instituto de Identificação com a abertura de Núcleos de Identificação Civil no Distrito de Luzimangues e de Taquaruçu, ofertando os serviços de emissão de carteira de identidade e de antecedentes criminais em regiões estratégicas de Palmas e região, é oficialmente formalizada no Regimento.

O Secretário de Estado da Segurança Pública, Cristiano Sampaio, comentou em coletiva de imprensa na tarde de terça-feira, 13, a importância da normativa para o avanço institucional do órgão. “O regimento irá direcionar e padronizar a atuação de nossos servidores, facilitando o fluxo de atuação, mas, principalmente, representa a garantia de transparência dos serviços públicos ao cidadão, que agora saberá onde e como procurar o seu atendimento de modo qualificado”.

Sobre o modo de elaboração do regimento, o titular da pasta ressaltou tratar-se de um documento produzido a várias mãos e a partir de diagnóstico levantado pela instituição por meio de questionários aplicados aos servidores administrativos e policiais civis, além de dados estatísticos e de produtividade visando à efetividade da atuação da Secretaria da Segurança e da Polícia Civil num cenário de limitados recursos públicos para aplicação na área em todo o país.

Confira na integra o Decreto 5.979, de 12 de agosto de 2019, Edição 5.418 DOE.

Fotos: Priscila Cadore.